Você sabe porquê seus clientes não voltam?

Fidelizar clientes é a meta de todos que tem um negócio. Com a grande concorrência, para nos destacar, precisamos, cada vez mais, nos diferenciar.

Existem diversos motivos que fazem seus clientes não retornarem para o seu negócio. Separamos os principais. Saiba que conquistar um cliente novo custa de 5 a 7 vezes mais do que manter um antigo. Se você perceber que seus funcionários ou seu modelo de negócio estão tendo essas atitudes, saiba que está na hora de mudar! Vamos as dicas:

1. Não tratar seu produto como a solução do cliente

Esse é um ponto crucial que você e seus vendedores precisam saber. O seu produto não deve ser apenas um item que agregará a pessoa, seu produto será a solução dos seus problemas.

É importante que você ou seus funcionários tenham essa percepção. Assim, buscarão se informar sobre o produto ou serviço oferecido, aumentando seu repertório de argumentos. A partir do momento em que entenderem isso, serão mais produtivos e terão mais autoridade na venda.

2. Problemas com o atendimento

Os problemas com atendimento são um dos principais motivos para seu cliente não voltar mais ao seu estabelecimento. E existem diversos problemas relacionados:

A) Falta de atenção com o cliente: Isso é algo que tem se tornado comum e motivo de várias reclamações por parte dos clientes. Hoje com o uso frenético dos celulares, muitas vezes os vendedores também os utilizam. É extremamente desagradável quando você precisa de um produto e um vendedor simplesmente o ignora, pois está mexendo no celular.

B) Abordagem agressiva: Alguns clientes sabem exatamente o que querem e estão em busca disso. Outros gostam de analisar suas opções, talvez pesquisar preços. Cada um tem seu ritmo, e vendedores, atendentes e empresários precisam entender e respeitar o ritmo de cada um. Não podemos ter em nosso estabelecimento aquele vendedor que fala alto, faz graça e tenta empurrar um produto a qualquer custo.

C) Despreparo: O despreparo de um vendedor é algo que nunca passa despercebido por quem está interessado em um produto. Se o cliente pede ajuda e encontra um vendedor que não sabe as informações sobre o produto e nem consegue ajudá-lo a tomar uma decisão, o comprador sentirá que está no lugar errado, pois o vendedor não está pronto para recebê-lo e atender as suas necessidades.

 

3. Não se importar com o pós-venda

O pós-venda acabou se tornando essencial para quem trabalha com vendas. Ele consegue fidelizar o cliente com a empresa. É importante que você solicite após a venda o contato do cliente (se ele disponibilizar) para que você possa entrar em contato, questionando sobre a eficácia do produto, para oferecer novidades e também para mandar recados.

O pós-venda também funciona para resolver e identificar problemas. Com ele, o cliente se sente especial, e percebe que não é só “mais um” perante a empresa. A chance dele retornar porque se sente satisfeito com o produto e com o atendimento é muito maior.

Com o pós-venda feito por telefone, você também pode aproveitar o momento e iniciar uma nova venda, chamando o cliente para visitar o estabelecimento novamente e contando sobre os produtos novos. Confira como ter sucesso nas vendas por telefone.

4. Esquecer do atendimento virtual

Com o avanço do e-commerce, o atendimento virtual tem ganhado importância. É extremamente comum empresas que fazem vendas até pelo próprio Whatsapp.

Se o cliente tem uma reclamação e entra em contato com a empresa, é importante que a pessoa que receber essa reclamação saiba atender àquela demanda. Para que o erro não se repita com outros clientes e também para que a empresa consiga evoluir, não repetindo os erros, diminuindo o número de reclamações.

5. Descubra o seu diferencial

Aqui é onde entra a sua autoconfiança. Se você abriu um negócio, é porque você realmente acredita que pode se destacar neste mercado tão competitivo.

Busque um diferencial, tente mostrar para as pessoas porque elas devem comprar de você e não do seu concorrente. Os clientes buscam cada vez mais uma loja que se diferencie das outras, afinal todo mundo está cansado de “mais do mesmo”. Encontre aquilo que difere você das outras empresas. Os resultados podem ser muito maiores do que você espera.

6. Você já sabe quem é seu público-alvo?

Se você ainda não sabe quem é seu público-alvo, está na hora de descobrir. É importante que suas estratégias de vendas sejam pensadas para seu potencial-cliente.

Mas não esqueça! Também é importante ter produtos para outro tipo de público, isso ajuda a expandir os horizontes e também para que o seu outro público não se sinta “perdido” dentro de sua loja. Ter produtos voltados para o público-alvo faz com que esse mesmo público se interesse e se torne seu cliente fiel. Já ter produtos para o outro público, significa que você também se preocupa com ele, e mesmo que a venda não seja concretizada, ele poderá sair com uma boa impressão do seu negócio.

7. Descubra quem são e tente recuperá-los

Fazer uma análise e entender porque seus clientes não estão voltando para a sua loja é importante. Quem não retornou? Como foi o atendimento com essas pessoas? O que faltou para convencê-las? São perguntas importantes que você deve se fazer.

Isso fará você se reciclar, entender seus erros, mesmo que não sejam com uma grande parcela de seus clientes. Conquistar um cliente é muito mais difícil do que manter um cliente fiel, então é muito importante que você invista, análise e aposte na recompra.

8. Preço fora do mercado

Geralmente quando alguém está interessado em um produto ou serviço, realiza o orçamento em três empresas, no mínimo. Neste momento, é analisado o preço, forma de pagamento, prazo de entrega e outros fatores que o cliente pode achar importante.

O preço, normalmente, é o principal item na escolha. Dificilmente um cliente paga muito caro analisando apenas a qualidade do fornecedor. Por isso, é importante acompanhar o preço do mercado. Já que, um cliente pode tirar sua empresa de sua lista de orçamentos quando seu preço fica muito alto, se comparado aos concorrentes, em vários orçamentos.

Por isso, procure contactar seus clientes que não fecharam um orçamento e entender o que ocorreu e qual o motivo dele não ter fechado com você. É um ótimo momento para melhorar.

E se você quiser contar com um time de especialistas na área, ligue pra gente 21 97128-1131

Siga-nos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *